Notícias

“Portugal Sou Eu” entregou prémios aos alunos vencedores do concurso que levou à criação de um spot publicitário

“Portugal Sou Eu” entregou prémios aos alunos vencedores do concurso que levou à criação de um spot publicitário

29-09/2017
“Portugal Sou Eu” entregou prémios aos alunos vencedores do concurso que levou à criação de um spot publicitário

O “Portugal Sou Eu” entregou hoje, durante uma cerimónia que decorreu no Ministério da Economia e que contou com a presença do Secretário de Estado Adjunto e do Comércio, Paulo Alexandre Ferreira, os prémios aos alunos vencedores do concurso “Spot Portugal Sou Eu”.

Os vencedores receberam um prémio no valor de 5 mil euros para o “Prémio do Júri” e de 3 mil euros para o “Prémio do Público” e vão ver os seus filmes divulgados nas redes sociais e em campanhas online e de televisão que o “Portugal Sou Eu” irá desenvolver.

Lançado em maio, participaram no concurso “Spot Portugal Sou Eu” 12 filmes produzidos por alunos que, no ano letivo de 2017, frequentaram 11 estabelecimentos de ensino médio e superior de escolas de todo o País. Durante o mês de agosto todos os filmes foram sujeitos ao escrutínio de um júri profissional (Presidente da Academia Portuguesa de Cinema, a Secretária Geral da Associação Portuguesa de Anunciantes e o Presidente da Associação Museu da Publicidade) e do público.

Para o Secretário de Estado Adjunto e do Comércio, “este concurso teve como principal objetivo associar a comunidade de estabelecimentos de ensino médio e superior, das áreas de cinema e audiovisual, ao Programa “Portugal Sou Eu”. Foi uma forma ativa de procurar envolver os alunos, de modo criativo, na dinamização da iniciativa, produzindo conteúdos que reforçam a sensibilização para a relevância económica e social do consumo de produtos portugueses”.

Prémio do Júri:

Filme 10, “O Futuro de Portugal Somos Todos Nós”, produzido por André Pêga, David Mateus, Miguel Barradas, Mariana Oliveira e Rita Mourão, alunos da Escola Superior de Comunicação Social, de Lisboa.

Este filme aposta em testemunhos de jovens que, de uma forma muito natural e descontraída, evidenciam a importância económica e social do consumo de produtos portugueses.

O júri valorizou os critérios de criatividade e consonância com as mensagens do programa, tendo também considerado que o filme cumpria em termos de técnica de produção e fotografia.

É um filme testemunho, com protagonistas no seu habitat natural, mas que em 20 segundos sintetiza os valores do programa “Portugal Sou Eu”, divulgando-os num apelo alegre e convicto.

 

Prémio do Público:

Filme 1, “Dar ao Quadrado”, produzido por Márcia Batista e Mariana Matos, alunas do IADE-Universidade Europeia, em Lisboa.

Num claro apelo ao consumo de produtos portugueses durante a época de Natal, este filme traz-nos a ideia de que ao oferecermos produtos portugueses estamos a contribuir “ao quadrado”, beneficiando não só o destinatário do presente mas também a economia portuguesa.

É um filme com uma produção bastante elaborada e cuidada o que certamente terá contribuído para a preferência do público, que lhe atribuiu o triplo dos votos do segundo classificado.

Fonte: Portugal Sou Eu

Saber Mais

Partilhe Partilhar no Facebook Partilhar no Twitter Partilhar no Google Plus Partilhar no Linkedin Enviar por e-mail